Johansen vence 8.º Grande Prémio ANICOLOR

Johansen vence 8.º Grande Prémio ANICOLOR

Julius Johansen (Sabgal / Anicolor) foi o vencedor do 8.º Grande Prémio ANICOLOR, uma vitória
consagrada em Águeda, Capital da Bicicleta e onde também se inicia a próxima Volta a Portugal.

O ciclista dinamarquês viu a conquista confirmada após vestir a Camisola Amarela na 1.ª Etapa, tendo-a mantido até ao final e dando a vitória à equipa do concelho da qual faz parte a sede desta estrutura.

Créditos: GP Anicolor

Primeira etapa decidiu a Classificação Final

Foi logo na primeira etapa que se decidiu a Classificação Geral do 8.º Prémio Anicilor, numa edição que contou com três etapas e um contrarrelógio a abrir.

Primeira etapa

Na primeira, num contrarrelógio individual de 16 quilómetros, a equipa da casa conquistou as primeiras três posições, com Julius Johansen a fazer o melhor tempo. Os seus colegas de equipa Maurício Moreira e Rafael Reis ocuparam os restantes lugares do pódio, dando um excelente início de prova à Sabgal / Anicolor.

Segunda etapa

Na segunda etapa, disputada num sprint em Oliveira do Bairro, foi Francisco Campo da APHotels & Resorts/Tavira/SC Farense o mais forte no final dos 180 quilómetros que compunham a jornada. O segundo posto ficou para João Matias (Tavfer-Ovos Matinados-Mortágua) e o terceiro para Santiago Mesa da Efapel Cycling. Julius Johansen manteve-se líder.

Créditos: GP Anicolor

Terceira etapa

A terceira e última etapa, dia de todas as decisões, correu-se de Ílhavo a Águeda ao longo de cerca de 150 quilómetros.

Num dia onde a fuga conseguiu disputar a vitória, foi o espanhol Ramon Fernandez do Club Ciclista Padronés – Cortizo que se superiorizou e venceu num sprint a dois Afonso Eulálio da ABTF Betão – Feirense.

O pelotão chegou a apenas 10 segundos, vantagem suficiente para dar a vitória do 8.º Grande Prémio ANICOLOR a Julius Johansen. Maurício Moreira e Rafael Reis ocuparam os restantes lugares do pódio, numa Sabgal / Anicolor que ainda colocou Artem Nych em quinto lugar.

Créditos: GP Anicolor

Vencedores das restantes classificações

  • Camisola Azul DUBRAL – MONTANHA: Ramón Fernández (Equipo Cortizo)
  • Camisola Vermelha PERVEDANT – METAS VOLANTES: Francesc Bennassar (Equipo Cortizo)
  • Camisola Bolinhas CUNCORTAVE – PONTOS QUENTES: João Macedo (Credibom / LA Alumínios /
    Marcos Car)
  • Camisola Branca ESTORES LIMITE – JUVENTUDE: Martín Rey (Equipo Cortizo)
  • Camisola Laranja SAN ANTÓNIO – MELHOR CICLISTA EQUIPAS DE CLUBE: Martín Rey (Equipo
  • Cortizo)
Créditos: GP Anicolor

Subscreve a newsletter semanal para receberes todas as notícias e conteúdo original do TopCycling.pt. Segue-nos nas várias redes sociais Youtube , Instagram , Twitter , e Facebook.

Noticias relacionadas

Tour de France: Etapa 18 – Brilham os Homens das Clássicas

Tour de France: Etapa 18 – Brilham os Homens das Clássicas

Tour de France 2024 | Etapa 17 | Todos querem vencer

Tour de France 2024 | Etapa 17 | Todos querem vencer

João Almeida: “Serei co-líder na Vuelta”

João Almeida: “Serei co-líder na Vuelta”

Tour de France 2024 | Etapa 16 | Luta pela Verde ao rubro

Tour de France 2024 | Etapa 16 | Luta pela Verde ao rubro

Utilizamos cookies para garantir a funcionalidade e melhor experiência de navegação no nosso site. Saber mais