Movistar renova Nélson Oliveira

Movistar renova Nélson Oliveira

Nélson Oliveira renova por dois anos até final de 2025 e vai cumprir uma década ao serviço da Movistar no WorldTour.

Alejandro Valverde fez 17 épocas, Imanol Erviti 19. A Movistar tem vindo a perder referências e caso José Joaquin Rojas (17 temporadas na estrutura) também se retire os ciclistas mais antigos na equipa espanhola passam a ser Nélson Oliveira e Jorge Arcas.

O português será também o mais veterano ao iniciar 2024 com 34 anos, mas vem de uma época impressionante onde fechou 6º no Mundial e no Europeu de contrarrelógio, além de ter concluído Tour e Vuelta.

Era imprescindível renovar com um dos pilares da Movistar, que na carreira iniciou e concluiu 19 grandes Voltas.

O bloco que tinha contrato em vigor inclui Rúben Guerreiro, Enric Mas, Iván Romeo, os três até 2025. Já o campeão espanhol, Oier Lazkano, Vinícius Rangel, Alex Aranburu, Sergio Samitier e Iván Sosa têm vínculo até 2024.

As renovações que chegaram em massa esta terça-feira. Além de Nélson Oliveira continuam:

  • Iván García Cortina: 2026
  • Mathias Norsgaard: 2026
  • Einer Rubio: 2026
  • Gonzalo Serrano: 2026
  • Jorge Arcas: 2025
  • Will Barta: 2025
  • Gregor Mühlberger: 2025
  • Antonio Pedrero: 2025
  • Fernando Gaviria: 2024
  • Johan Jacobs: 2024
  • Albert Torres: 2024
Rúben Guerreiro ganhou em Harrat Uwayrid para selar o triunfo no Saudi Tour, em fevereiro.
Créditos: Alex Broadway/Getty Images

Primeira parte da época foi produtiva

A Movistar deve fechar o ano abaixo das 20 vitórias, fasquia que não supera desde 2019. A primeira parte da época foi produtiva – 11 triunfos incluindo o de Rúben Guerreiro no Saudi Tour – mas não teve continuidade.

A 10 de outubro a equipa tem 16 vitórias e não cumpriu as expetativas nas grandes Voltas: Enric Mas foi 6º na Vuelta e abandonou no Tour, Einer Rubio foi 11º no Giro e ganhou a etapa de Crans-Montana – a única vitória em grandes Voltas e apenas uma de duas no WorldTour (a outra foi de Fernando Gaviria na Romandia).

Prestes a iniciar a temporada número 45 no pelotão há desafios importantes no horizonte da Movistar.

Noticias relacionadas

Seis destaques da Volta a Portugal do Futuro

Seis destaques da Volta a Portugal do Futuro

Bruno Pires já ganha com a Tudor

Bruno Pires já ganha com a Tudor

Evenepoel e Roglic no Dauphiné

Evenepoel e Roglic no Dauphiné

Rui Oliveira fez a festa com Tadej Pogacar no Giro

Rui Oliveira fez a festa com Tadej Pogacar no Giro

Utilizamos cookies para garantir a funcionalidade e melhor experiência de navegação no nosso site. Saber mais