Van der Poel e Van Aert fora do Mundial de Ciclocrosse

Van der Poel e Van Aert fora do Mundial de Ciclocrosse

As duas principais estrelas do ciclocrosse mundial não irão disputar os mundiais da modalidade, agendados para 29 e 30 de janeiro, em Fayetteville, Estados Unidos.

Mathieu van der Poel

No caso de Mathieu van der Poel a notícia foi avançada pela sua equipa, a Alpecin-Fenix, no dia de hoje.

Na base desta decisão está na lesão sofrida nas costas em Tóquio 2020, da qual o ciclista dos Países Baixos ainda não conseguiu recuperar totalmente.

Com quatro títulos mundias de ciclocrosse conquistados, o primeiro em 2015, e agora atual tricampeão mundial, era apontado como um dos favoritos a vencer mais uma edição da prova.

A Alpecin-Fenix divulgou a informação nas redes sociais, seguida de uma declaração do próprio ciclista.

“Devido às dores nas costas, não consegui atingir o nível desejado desde a Volta a França. Só quero conseguir ultrapassar isto. A única solução passa por um período de descanso mais longo, logo, não faria sentido interromper este período novamente, para tentar disputar o Campeonato do Mundo.”

Mathieu Van der Poel

O ciclista fez ainda questão de frisar que a decisão foi tomada em consonância com a sua equipa.

“Todos concordamos que esta é a melhor opção. Já participei no Campeonato do Mundo de Ciclocrosse 10 vezes consecutivas, logo é muito duro ter que ficar de fora e não poder defender o meu título nos Estados Unidos.”

Mathieu Van der Poel

A aparatosa queda sofrida na última edição dos Jogos Olímpicos, afasta assim um dos ciclistas com maior destaque da atualidade, de lutar por um dos seus principais objetivos da temporada, numa prova em que se tem apresentado a grande nível nos últimos anos.

Prestes a completar 27 anos, no próximo dia 19 de janeiro, Van der Poel afirma estar tranquilo em relação ao futuro, apresentando-se focado e determinado na sua recuperação total, sem estipular data para o seu regresso à competição.

“Não estou preocupado com o futuro da minha carreira, mas é claro que é frustrante não saber quanto tempo ainda vai durar esta paragem. Só vamos definir uma data e objetivos se o conseguirmos fazer de forma fundamentada. Até lá, farei o que puder!”

Mathieu Van der Poel

A Alpecin-Fenix, também fez questão de salientar que a recuperação de Van der Poel é a principal prioridade.

“Queremos otimizar o processo de recuperação e tal não é possível se houver constrangimentos temporais com vista à participação nos Mundiais de Fayetteville”,

Christoph e Philip Roodhoot, diretores da Alpecin-Fenix

Wout Van Aert

No mesmo dia, o próprio Wout van Aert disse ao Sporza, numa entrevista após vencer a corrida a contar para o troféu X20Badkamers na sua cidade, Herentals,que apesar de ter muita pena, não irá deslocar-se aos Estados Unidos da America (EUA) para disputar o Campeonato do Mundo.

O campeão belga diz ser uma decisão inevitável tendo em vista a campanha de clássicas de estrada na primavera. 

“No próximo domingo será a minha última corrida de ciclocrosse deste inverno”,

disse Van Aert.

Ao que parece, ir aos EUA não estava nos planos, no entanto o anúncio só foi feito agora.

“É uma pergunta que me fizeram muitas vezes, eu nunca deveria ir fazer os campeonatos do mundo esta temporada. É claro que eu adoraria, mas decidimos seguir o plano inicial para começar a preparar a temporada de estrada, depois de domingo. ”

explicou Van Aert.

Desta forma, Wout Van Aert irá disputar no próximo domingo o Campeonato Nacional de ciclocrosse com o objectivo revalidar o título e manter a camisola de campeão nacional, e após esta corrida não faz mais ciclocrosse esta temporada.

De acordo com as suas palavras, o importante são as clássicas da primavera.

É sempre uma escolha difícil não fazer uma corrida como essa, mas os meus objetivos são na primavera e é nisso que me estou a concentrar agora. ”

Wout Van Aert

Repentinamente, Tom Pidcock torna-se num dos principais candidatos a vencer o Campeonato do Mundo de ciclocrosse, podendo assim juntar um título importante ao seu palmarés, depois de já ter sido campeão do mundo desta modalidade nas camadas jovens, e depois de ter sido campeão olímpico de cross-country (BTT) em 2021.

Subscreve a newsletter semanal para receberes todas as notícias e conteúdo original do TopCycling.pt. Segue-nos nas várias redes sociais Youtube , Instagram , Twitter , e Facebook.

Noticias relacionadas

Tour de France – Etapa 4

Tour de France – Etapa 4

Acidente de Valverde ainda dá que falar

Acidente de Valverde ainda dá que falar

Tour de France – Etapa 3

Tour de France – Etapa 3

Tour de France 2022 – Etapa 2

Tour de France 2022 – Etapa 2

No Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Subscreva a Newsletter

* Preenchimento necesssário

Escolha a newslwtter que pretende receber:

Categorias de Artigos