Tour de France – Resumo etapa 4

Tour de France – Resumo etapa 4

Hoje no Tour de France mais uma etapa com previsão de final ao sprint, 150 km’s entre Redom e Fougères, que começou por ficar marcada pela paragem na estrada de todo o pelotão, durante 1 minuto, em protesto contra a escolha dos percursos perigosos nos finais de algumas etapas.

Apesar do final previsto ao sprint (tendo em conta o perfil da etapa), um dos fugitivos do dia fez manter a dúvida até aos últimos 300 mts., Brent Van Moer (Lotto-soudal) descartou o seu companheiro de fuga a 14 km’s do fim e entrou em modo contrarrelógio, dificultando o trabalho às equipas dos velocistas até aos últimos metros.

Mas o dia é de sonhos para Mark Cavendish (Deceuninck-Quick-Step), que aos 36 anos de idade, e 5 anos depois de ter vencido a sua ultima etapa no Tour, venceu hoje a etapa 4 do Tour de France de 2021 num sprint perfeito, batendo muitos dos melhores do mundo da actualidade.

O “Míssil de Man” conquistou a sua 31ª vitória de etapa no Tour, contrariando a liderança da Alpecin-Fenix que tem tido o melhor “comboio de lançamento” da corrida, com um Tim Merlier em forma mas que hoje teve que tirar o chapéu à lenda, Mark Cavendish.

“Eu não sei o que dizer. Só o estar aqui já é especial o suficiente. “Eu pensei que nunca mais voltaria a esta corrida, honestamente.”

disse Cavendish.

Cavendish, “pagou” para correr na Deceuninck Quick-Step

Para os que não acompanham o ciclismo tão fervorosamente, recorde-se que Mark Cavendish chegou a anunciar o final da sua carreira em 2020 quando estava na Bahrain, equipa depois da qual não conseguia contrato.

Acabou por conseguir ingressar na Deceuninck Quick-Step, sendo o próprio a pedir a Lefevere que o aceitasse por favor, ao que o director da Deceuninck respondeu que tinha o orçamento do ano esgotado, pelo que se quisesse ir para a Deceuninck Quick-Step teria que arranjar patrocínios para suportar a sua época. Canvedish ligou no dia a seguir a dizer que já tinha os patrocínios. (História completa neste nosso artigo).

Cavendish coloca a cereja no topo do bolo, colocando-se líder da classificação por pontos e voltando a vestir a camisola verde, que tantas vezes vestiu durante a sua carreira.

No que respeita à geral Mathieu van der Poel (Alpecin-Fenix) continua de amarelo e iniciará o contrarrelógio de amanhã (etapa 5) ainda como líder.

TOP 10 da etapa

Pos.NomeEquipaTempo
1CAVENDISH MarkDeceuninck – Quick Step3:20:17
2BOUHANNI NacerTeam Arkéa Samsic0:00
3PHILIPSEN JasperAlpecin-Fenix0:00
4MATTHEWS MichaelTeam BikeExchange0:00
5SAGAN PeterBORA – hansgrohe0:00
6BOL CeesTeam DSM0:00
7LAPORTE ChristopheCofidis, Solutions Crédits0:00
8PEDERSEN MadsTrek – Segafredo0:00
9VAN POPPEL BoyIntermarché – Wanty – Gobert Matériaux0:00
10GREIPEL AndréIsrael Start-Up Nation0:00

TOP 10 classificação geral após etapa 4

Pos.NomeEquipaTempo
1VAN DER POEL MathieuAlpecin-Fenix16:19:10
2ALAPHILIPPE JulianDeceuninck – Quick Step0:08
3CARAPAZ RichardINEOS Grenadiers0:31
4VAN AERT WoutTeam Jumbo-Visma0:31
5KELDERMAN WilcoBORA – hansgrohe0:38
6POGAČAR TadejUAE-Team Emirates0:39
7MAS EnricMovistar Team0:40
8QUINTANA NairoTeam Arkéa Samsic0:40
9LATOUR PierreTeam TotalEnergies0:45
10GAUDU DavidGroupama – FDJ0:52

Classificações completas aqui.

Deixamos os horários de partida para o contrarrelógio de amanhã

Subscreve a newsletter semanal para receberes todas as notícias e conteúdo original do TopCycling.pt. Segue-nos nas várias redes sociais Youtube , Instagram , Twitter , e Facebook.

Noticias relacionadas

Absa Cape Epic 2021 – Resumo etapa 5

Absa Cape Epic 2021 – Resumo etapa 5

Fim de semana de Ciclismo no Eurosport

Fim de semana de Ciclismo no Eurosport

Absa Cape Epic 2021 – Resumo etapa 4

Absa Cape Epic 2021 – Resumo etapa 4

Absa cape Epic 2021 – Resumo etapa 3

Absa cape Epic 2021 – Resumo etapa 3

No Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva a Newsletter

* Preenchimento necesssário

Escolha a newslwtter que pretende receber:

Categorias de Artigos