NOVO Shimano Dura-Ace e Shimano Ultegra 12V.

NOVO Shimano Dura-Ace e Shimano Ultegra 12V.

Depois de muito se falar e muito se especular acerca do lançamento do novo Shimano Dura-Ace e Ultegra 12v., finalmente chegou a hora de os conhecermos. A Shimano adere às 12 velocidades, mas sem abandonar a sua identidade e tradição nos grupos de estrada, algo que lhe tem valido a preferência de muitos fãs da marca neste campo.

Novo Shimano Dura-Ace

Comecemos por “desmontar” o novo Shimano Dura-Ace 12v., sendo que o seu irmão Ultegra da gama imediatamente abaixo partilha o mesmo ADN tecnológico de funcionamento.

O novo topo de gama para a estrada da Shimano (R9200) dá o salto para as 12 velocidades, como referimos no início. Este grupo de componentes funciona unicamente através do já conhecido sistema eletrónico DI2, com travagem de disco ou v-brake, manípulos de mudança wireless, um desviador traseiro, que segundo a marca é mais rápido, terá roda pedaleira maior (54-40D) e uma cassete 11-34D. 

A Shimano fez uma revisão na sua plataforma Di2 para melhorar a rapidez na comutação de mudanças, tornando a conexão com a mudança de trás via wireless e mantendo a sua fiabilidade.

Esta nova série inclui um novo potenciómetro, tecnologia de travagem Servo Wave e uma nova gama de rodas tubeless e tubulares. 

A Shimano afirma que desenvolveu a sua gama de componentes de estrada mais rápida e precisa, expandindo o seu legado de inovação. Cada detalhe, cada decisão e cada componente do novo Shimano Dura-Ace 12v R9200 foi desenhado para oferecer rapidez, fiabilidade e uma experiência de ciclismo mais intuitiva.

A marca japonesa diz que a busca pela perfeição não é fácil. Para tal, é necessário pesquisa, investigação e análise dos produtos com os melhores atletas, tanto em laboratório como no mundo real, de forma a explorar toda a Ciência da Velocidade. O resultado pode ser dividido em capítulos: 

Plataforma de Mudanças + Interface de Controlo + Sistema de Travagem + Sistema de Transmissão + Sistema de Rodas 

Vejamos cada um deles:

Plataforma de Mudanças:

A Shimano fez uma revisão na sua plataforma Di2 para melhorar a rapidez na comutação de mudanças, tornando a conexão com a mudança de trás via wireless e mantendo a sua fiabilidade.

A nova plataforma Di2 da Shimano oferece um novo design dos motores dos desviadores, o que diminui a velocidade de processamento, ou seja, o tempo de deslocação entre os mecanismos do motor é menor, levando à comutação de mudanças mais rápida de sempre. O resultado de tudo isto são frações de segundo que se ganham, mas que de acordo com a marca revelam 58% de descida de tempo na operação da mudança traseira e 45% na mudança da frente.

A fiabilidade é fornecida por uma ligação com fios onde faz sentido. Os novos cabos SD-300 de diâmetro mais pequeno conectam a bateria DI2 (BT-DN300) ao desviador da frente (FD-R9250) e ao desviador traseiro (RD-R9250).

Esta bateria interna única cria uma solução de carregamento simples e garante uma ligação estável e rápida. Esta fiabilidade é ainda garantida por um circuito de “chips” de alta segurança e de desempenho rápido, o que diminui significativamente a possibilidade de interferência por parte de equipamentos externos. 

Os testes realizados mostram que a bateria BT-DN300 – a que fornece energia aos desviadores (frente e trás) – dura cerca de 1000 km entre carregamentos. As manetes de mudança/travão são alimentados por uma pilha (CR1632) que duram aproximadamente 1.5-2 anos.

Para aumentar a capacidade de bateria, existe a opção de uma versão com cabos, oferecendo 50% de aumento e também muitos benefícios para os ciclistas que usem este novo Shimano Dura-Ace 12v numa e-bike.

A nova mudança de trás Dura-Ace já não é apenas uma mudança traseira. É também agora um ponto de carregamento para a bateria (substituindo assim o carregador SM-BCR2 da Shimano), um transmissor que fornece ligação com as manetes de mudança/travão, uma conexão ANT+ para um terceiro equipamento (substituindo a unidade wireless EW-WU111) e também substitui a junção A (SM-RS910).

Disto resulta uma mudança de trás (RD-R9250) com um design integrado com uma porta de carregamento, um botão DI2 e luzes LED, notificando os modos ativos.

Interface de Controlo (manetes):

Recentemente os ciclistas profissionais começaram a alterar a sua posição de pedalada, assim como as suas preferências. A Shimano trabalhou em conjunto com muitos ciclistas de topo para estudar essas mudanças. De tudo isso, a ergonomia foi melhorada sem precedentes de forma a ir ao encontro das exigências a subir e a sprintar em cima da bicicleta.

Novo design e ergonomia

As novas manetes wireless 2x12v (ST-R9270) vêm agora com uma parte superior ligeiramente mais elevada, curvada para dentro e com maior área entre a manete e a haste de guiador de forma a trazer maior controlo e conforto.

De acordo com a marca isto possibilita aos ciclistas uma melhor aderência das mãos às manetes tanto para travar como para mudar de andamentos. Uma outra mudança nestas novas manetes são os botões DI2 que são agora mais salientes de forma a distinguir ambos de forma mais rápida, facilitando a sua ação com luvas ou dedos molhados.  

As manetes de mudança/travão operam sobre uma ligação via wireless, permitindo um simples processo de montagem sem cabos na haste de guiador ou no quadro da bicicleta, isto simplificará muito a vida aos mecânicos, além de permitir que tenhas um guiador mais “limpo”. 

As manetes de mudança/travão são alimentados por uma pilha (CR1632) que duram aproximadamente 1.5-2 anos.

As entradas de cabos poderão ser usadas para a instalação de manípulos de mudança remotos de sprint (SW-R801-S) ou de subida (SW-R801-T). 

Personalização

O controlo de interface continua a oferecer a possibilidade de personalização graças a uma versão atualizada da aplicação E-Tube (compatível agora com a série R9200 do Dura-Ace).

Assim como as versões anteriores, o E-Tube Project 4.0.0 permite ajustar preferências como a comutação sincronizada ou semi-sincronizada, tempo de comutação e também ajustar a ação do comportamento dos botões DI2.

Sistema de Transmissão:

Os ciclistas mais competitivos estão sempre a pensar em formas de deslocação mais rápidas e eficientes, pelo que a Shimano informa que optimizou os seus andamentos, manetes e potenciómetro para melhorar a performance destes ciclistas. 

A nova cassete de 12v Dura-Ace tem presente a tecnologia Hyperglide+ e oferece uma passagem de andamentos rápida e suave, mesmo sob carga pesada, estando numa situação de subida ou descida. Como resultado, deixa de ser necessário abrandar na aceleração para trocar de andamentos. 

Opções de cassete e andamentos

No total existem duas opções de cassetes Dura-Ace Hyperglide+: 11-30D e 11-34D para subidas íngremes. São compatíveis com o Dura-Ace anterior (R9100), permitindo usar rodas dessa mesma série.

Assim como uma cassete maior, é oferecida também uma opção de rodas pedaleiras 54-40D, ajudando os ciclistas a alcançar maiores velocidades.

Desviador da frente mais pequeno e leve

Além das alterações referidas nos desviadores, ainda há mais novidades para revelar, sobretudo no desviador da frente (FD-R9250). Este desviador sofreu no seu tamanho – sendo 33% mais pequeno na área frontal, ficou mais leve (96g) e permite maiores rodas pedaleiras (50-55D). 

Pedaleiro

O sistema de transmissão não ficaria completo sem abordar o pedaleiro.

Existem duas versões disponíveis: FC-R9200-P com o medidor de potência e a versão convencional FC-R9200, com várias opções de tamanhos.

Ambas as versões contêm a tecnologia Hollowtech II e poderão sem combinadas com rodas pedaleiras de 50-34D, 52-36D ou a nova 54-40D, e crenques de 160 ou 177.5mm, com um fator Q de 148mm

A versão do pedaleiro com potenciómetro usa Bluetooth e Ant+ para transmitir as informações de pedalada. Dura até 300 horas entre carregamentos e vem com uma precisão melhorada de 1,5% face ao anterior. 

A corrente será a mesma usada no XTR 9100 de 12v, simplificando o inventário das lojas e dos ciclistas.

Sistema de Travagem:

Os engenheiros da Shimano sabem que a velocidade é indiferente se não a conseguires controlar, e que as corridas podem ser decididas nas curvas, portanto o melhoramento da travagem pode fazer a diferença entre perder e ganhar. 

Assim, de acordo com a marca japonesa os travões do novo Shimano Dura-Ace 12v oferecem um controlo mais otimizado. Com a adição da tecnologia Servo Wave às manetes, igualmente presente nos sistemas de travão de BTT e Gravel, os ciclistas ficam com um curso da manete mais curto para uma travagem mais imediata em situações mais técnicas.

O ruído também foi reduzido uma vez que se alargou a distância entre as duas pastilhas e o rotor de travão. O resultado revelou-se positivo por ser um sistema mais silencioso e mais resistente, pois o calor gerado é menor que na gama anterior.   

Manutenção melhorada

Além disto, a manutenção dos travões também foi melhorada. Agora é possível sangrar o travão sem remover a pinça (BR-R9270) do quadro da bicicleta, uma vez que existe em separado uma porta de sangramento e um parafuso de válvula. Um novo funil e um novo espaçador de sangramento também ajudar a melhorar o processo.

Sistema de Rodas:

Segundo a filosofia da Shimano o último pilar da Ciência da Velocidade são as rodas, a ligação entre a potência do ciclista e a velocidade que se pode atingir.

A Shimano redesenhou a sua linha de rodas com o equilíbrio de três fatores: redução do arrasto sem sacrificar o controlo, rigidez de força graças ao cubo Direct Engagement e um uma construção mais leve. Estes princípios constituem opções completas de rodas em carbono (tubeless e tubulares) para exceder os padrões atuais.

Três perfis de altura de aro oferecem diferentes opções para os ciclistas. 

  • A roda C36 (WH-R9270-C36-TL) é focada nas subidas e é a mais leve de toda esta gama.
  • A roda C50 (WH-R9270-C50-TL) é uma roda completa com um grande equilíbrio de resistência e rigidez de condução, tendo um controlo soberbo.
  • A roda C60 (WH-R9270-C60-HR-TL) é a roda mais aerodinâmica com elevada rigidez para sprints.  

A redução do arrasto foi um dos grandes objetivos e marca diz que a nova C50 cumpre essa parte em particular. Em situações de corrida traz uma redução de arrasto de 5,1W em relação à roda tubeless da série R9100 (C40-TL) e uma redução de 1W face à roda tubular R9100 (C60-TL), ao mesmo tempo que oferece outros benefícios de peso e capacidade de controlo.

A rigidez da condução também foi amplificada para aumentar a sensação de um pedalar direto em contexto de aceleração. A Shimano diz que isto foi conseguido com um cubo Direct Engagement, usando duas faces interligadas e resulta num aumento de 63% entre a nova C50-TL e a anterior C40-TL, além da redução de 45g no peso do cepo. 

Todas as gramas contam quando se trata de “massa” rotativa. Um par de rodas WH-R9270-C50-TL sofreu a perda de 161g. se compararmos com as anteriores WH-R9170-C40-TL.

Novo Shimano Ultegra

A série R8100 partilha a mesma plataforma que a série R9200, pelo que os utilizadores do ULTEGRA beneficiam de do mesmo desempenho em todas as funções.

Tendo isto em conta, se leste acima os pormenores de funcionamento e tecnologia do Shimano Dura-Ace R9200, o mesmo se aplica ao novo Ultegra R8100.

O novo Shimano Ultegra passa também para 12 velocidades com manipulo Di2 wireless e mudanças mais rápidas, e pela primeira vez o inclui medidor de potência como opção e rodas totalmente em carbono para travão de disco. 

Principais diferenças entre este Ultegra e Dura-Ace

É na construção  que as mudanças ULTEGRA  diferem das mudanças DURA-ACE.  

A mudança da frente e traseira DURA-ACE R9200 pesam 96 gr e 215 gr respectivamente, versus, ULTEGRA R8100 que pesam 116 gr e 262 gr, resultando uma diferença combinada de  67 gr.

Além da construção, a cor e alguns pormenores de design também marcam a diferença entre ambos, como vem sendo habitual ao longo da história da marca.

Preços

Preço de venda ao público recomendado:

  • Grupo Shimano Dura-Ace (sem rodas): €3.999,00
  • Grupo Shimano Ultegra (sem rodas): €2.199,00

Nota: informação dos preços fornecida pela loja BikePlanet.

Disponibilidade

Segundo a informação que recebemos da marca, o NOVO Shimano Dura-Ace 12v e Ultegra estarão disponíveis nas lojas a partir de 2021. Para mais detalhes e informações de disponibilidade e produtos contacta o importador da marca em Portugal através do site www.scvouga.pt , ou consulta o site da marca bike.shimano.com

Subscreve a newsletter semanal para receberes todas as notícias e conteúdo original do TopCycling.pt. Segue-nos nas várias redes sociais Youtube , Instagram , Twitter , e Facebook.

Noticias relacionadas

Mercado – As transferências no pelotão World Tour para 2022

Mercado – As transferências no pelotão World Tour para 2022

Campeonatos do Mundo – Prova de contrarrelógio individual feminina

Campeonatos do Mundo – Prova de contrarrelógio individual feminina

Campeonatos do Mundo – Prova de contrarrelógio individual

Campeonatos do Mundo – Prova de contrarrelógio individual

João Almeida venceu a Volta ao Luxemburgo

João Almeida venceu a Volta ao Luxemburgo

2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva a Newsletter

* Preenchimento necesssário

Escolha a newslwtter que pretende receber:

Categorias de Artigos