Notícias World Tour – Em 2019 equipa CCC com Avermaet como líder

Notícias World Tour  – Em 2019 equipa CCC com Avermaet como líder
Equipa polaca Pro-continental CCC compra equipa BMC e vai dar origem a uma nova equipa, na qual o líder será Greg Van Avermaet.

Greg Van Avermaet, actual líder do Tour de France já renovou com a equipa, que no próximo ano terá um projecto completamente novo e uma equipa feita “á sua volta”.

A BMC tinha anunciado este ano que iria deixar a vertente competição “World-Tour” após 12 anos de projecto, mas o seu director Jim Ochowicz anunciou esta semana que o projecto continuará graças á parceria com a equipa polaca “CCC-Sprandi-Polkowice”.

A equipa CCC, do escalão Pro-Continental (escalão abaixo do Pro-Tour) e que tem actualmente nas suas fileiras o português Amaro Antunes, terá em 2019 licença “World-Tour”.

Jim Ochowicz.

“Iremos ter uma imagem diferente, laranja, um nome diferente, mas teremos licença World-Tour e daremos continuação a esta equipa que tem 12 anos”. – Jim Ochowicz.

De acordo com Ochowicz, a Greg Van Avermaet já renovou contrato e será ele o líder da equipa nas provas clássicas de um dia, um dos objectivos da equipa, mas também em provas de uma semana.

Com o tempo querem evoluir e passar para objectivos de classificação geral nas provas de 3 semanas.

Amaro Antunes

Ainda não se sabe se Amaro Antunes ficará na equipa, esperemos que sim, e que mais um português entre no escalão máximo do ciclismo mundial.

 

Luís Beltrão

Mr.B.

 

Noticias relacionadas

UCI anuncia Campeonato do Mundo de Gravel Bikes em 2022

UCI anuncia Campeonato do Mundo de Gravel Bikes em 2022

Campeonatos do Mundo – Prova de fundo Masculina

Campeonatos do Mundo – Prova de fundo Masculina

Campeonatos do Mundo – Prova de fundo Feminina

Campeonatos do Mundo – Prova de fundo Feminina

Mundiais de ciclismo – António Morgado conquista lugar de destaque em juniores

Mundiais de ciclismo – António Morgado conquista lugar de destaque em juniores

2 Comments

  1. Refere-se a Avermaet vencer o Tour? Seria bastante interessante Benjamim, mas não me parece que isso vá acontecer.
    Se ele aguentar hoje (pode ser, tendo em conta a vantagem que tem) já será muito bom, mas amanhã já deve perder a Amarela 🙂

  2. E se no Tour de 2018 tivermos uma surpresa idêntica à do Giro de 2017 (em que ganhou o improvável Tom Demoulin)? Seria muito interessante o público e modalidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva a Newsletter

* Preenchimento necesssário

Escolha a newslwtter que pretende receber:

Categorias de Artigos