Europeus de Orientação em BTT e World Masters – Portugal conquista várias medalhas

Europeus de Orientação em BTT e World Masters – Portugal conquista várias medalhas

Terminou neste domingo, dia 10, em Abrantes, o quarto e último dia de competição do MTBO 2021 com a realização das provas de Estafetas (juvenis e Juniores), Estafetas Mista (seniores) e Sprint (Veteranos), nos Europeus de Orientação em BTT.

Tratou-se de mais um grande evento organizado pela Federação Portuguesa de Orientação, em que os atletas nacionais conquistaram 4 medalhas, cotando-se assim como a melhor representação nacional de sempre neste tipo de provas.

O principal destaque vai para Marisa Costa pela conquista de 2 medalhas de ouro na distância média e distância longa.

Artur Mendonça também esteve em evidência ao conseguir a prata, sagrando-se assim vice-campeão europeu em juvenis.

Já Davide Machado conquistou uma medalha de bronze na Taça do Mundo e Campeonato da Europa em elites.

O evento que decorreu no distrito de Santarém entre os dias 7 e 10, repartido pelas cidades de Abrantes, Constância, Chamusca e Sardoal juntou cerca de 380 atletas de 26 países em competição na Taça do Mundo, Campeonato da Europa de Elites e de jovens, nos escalões juvenis e juniores, bem como o campeonato do Mundo de veteranos por clubes (World Masters).

Em termos gerais, a seleção da Rússia foi a grande dominadora dos Europeus, com a conquista de 16 medalhas, seguida da República Checa, com nove, e da Dinamarca, com sete, nos vários escalões (juvenis, juniores e seniores).

12 medalhas no Campeonato do Mundo de Veteranos – World Masters

Os atletas nacionais apresentaram-se também em bom plano no Campeonato do Mundo de Veteranos por clubes (World Masters) com a conquista de mais 12 medalhas.

Susana Pontes, conquistou 4 medalhas de ouro (partida em massa, distância média, distância longa, sprint).

Daniel Marques, igualou o feito ao conquistar também 4 medalhas de ouro (partida em massa, distância média, distância longa, sprint).

Carlos Ferreira, conquistou, 2 medalhas (ouro em sprint e bronze na distância média).

Enquanto que Carlos Patrício, conquistou 1 medalha de prata na distância média.

Arnaldo Mendes, conquistou 1 medalha de bronze no sprint.

Hélder Faísca, presidente da Federação Portuguesa de Orientação, revelou orgulho e felicidade pelo facto da seleção nacional ter atualmente “atletas consagrados no plano internacional” e ainda “boas promessas nos escalões jovens e que auguram um bom futuro para a modalidade”.

No balanço dos campeonatos Portugal conquistou 16 medalhas:

1- Elite

2- Juniores Femininos

1- Juvenis Masculinos

12 – Veteranos

Depois de Portugal, para 2022 será à Lituânia o país organizador do Campeonato da Europa em Elites e escalões jovens.

Já a organização do Campeonato do Mundo de Juniores e Seniores ficará a cargo da Suécia, enquanto que a 3ª ronda da Taça do Mundo em Elites e Campeonato do Mundo de veteranos decorrerá na Bulgária.

Subscreve a newsletter semanal para receberes todas as notícias e conteúdo original do TopCycling.pt. Segue-nos nas várias redes sociais Youtube , Instagram , Twitter , e Facebook.

Noticias relacionadas

Equipas do World Tour participaram no  Serenissima Gravel

Equipas do World Tour participaram no Serenissima Gravel

Espectadora que causa queda no Tour 2021 começou a ser julgada

Espectadora que causa queda no Tour 2021 começou a ser julgada

Bontrager apresenta as novas Bolsas Adventure

Bontrager apresenta as novas Bolsas Adventure

A NOVA Specialized Stumpjumper EVO Alloy

A NOVA Specialized Stumpjumper EVO Alloy

No Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva a Newsletter

* Preenchimento necesssário

Escolha a newslwtter que pretende receber:

Categorias de Artigos