2.ª Taça de Portugal de Ciclocrosse – Melgaço

2.ª Taça de Portugal de Ciclocrosse – Melgaço


Uma semana depois do arranque da Taça, em Abrantes, a caravana nacional do ciclocrosse deslocou-se para o Norte do País, Melgaço. A proximidade de Melgaço à Galiza seduziu também as equipas do outro lado da fronteira, acrescentando diversidade e competitividade às corridas. Ainda assim, os portugueses mantiveram a primazia na categoria de elite.

Mário Costa e Joana Monteiro, ambos da equipa Axpo/FirstBike Team/Vila do Conde, impuseram-se nas provas de elite da segunda etapa da Taça de Portugal de Ciclocrosse, disputada, neste domingo, em Melgaço.

Categoria elite masculina

O campeão nacional, Mário Costa, foi o mais forte na prova masculina, baralhando as contas da geral. Vítor Santos, também da Axpo/FirsBike Team/Vila do Conde, partia no comando, mas com o segundo lugar de hoje, a 9 segundos do vencedor, cedeu o primeiro posto da geral a Mário Costa, embora estejam em igualdade pontual. Jorge Magalhães (W52-FC Porto) foi o terceiro, a 10 segundos, e ocupa igual posto na geral da Taça.

Categoria elite feminina

Joana Monteiro conquistou a segunda vitória consecutiva na Taça de Portugal de Ciclocrosse, impondo-se em solitário e reforçando o comando da classificação geral. A corredora minhota cortou a meta isolada, 2m19s antes da galega Isabel Castro (Condadobike AD). Leandra Gomes (Axpo/FirstBike Team/Vila do Conde) fechou pódio, a 3m18s.

Vídeo resumo da prova

Outras categorias

João Cruz (Axpo/FirstBike Team/Vila do Conde) voltou a ser o melhor sub-23 em pista, reforçando esse estatuto também no ranking da categoria.

Beatriz Sousa (BTT Loulé/Elevis) foi a mais forte na categoria conjunta de juniores e sub-23 femininas, cimentando o lugar cimeiro na geral da respetiva categoria, o mesmo tendo conseguido o júnior Rafael Sousa (Guilhabreu BTT) no setor masculino.

Os protagonistas das provas de cadetes foram Miguel Pereira (Santa Cruz/Botelhos.pt) e Beatriz Guerra (BTT Loulé/Elevis), vencedores isolados das corridas masculina e feminina, respetivamente.

Entre os veteranos impuseram-se os masters 30 Augusto Midão (Rompe Trilhos/Ajpcar) e Eva Ortega (Biciosos Rías Baixas), os masters 40 Moisés Leboso (GD Diez) e Virgínia Moreira (Saertex Portugal/Edaetech), o master 50 António Passos (Rompe Trilhos/Ajpcar) e o master 60 Antonio González (CC Salvaterra de Miño).

O galego Xian Alvariño (CC Pontearas) foi o melhor na corrida juvenil.

Classificações completas AQUI.

A terceira prova da Taça de Portugal de Ciclocrosse vai disputar-se em Vouzela, no dia 12 de dezembro.

Texto: Federação Portuguesa de Ciclismo

Subscreve a newsletter semanal para receberes todas as notícias e conteúdo original do TopCycling.pt. Segue-nos nas várias redes sociais Youtube , Instagram , Twitter , e Facebook.

Noticias relacionadas

Tom Pidcock avalia principais rivais e demonstra ambição no Ciclocrosse

Tom Pidcock avalia principais rivais e demonstra ambição no Ciclocrosse

Taça de Portugal de Ciclocrosse – Abrantes

Taça de Portugal de Ciclocrosse – Abrantes

Wout van Aert – O regresso ao Ciclocrosse e o seu calendário de corridas

Wout van Aert – O regresso ao Ciclocrosse e o seu calendário de corridas

Taça de Portugal de Ciclocrosse começa esta semana

Taça de Portugal de Ciclocrosse começa esta semana

No Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscreva a Newsletter

* Preenchimento necesssário

Escolha a newslwtter que pretende receber:

Categorias de Artigos