Ciclocrosse – Compreender as várias competições

Ciclocrosse – Compreender as várias competições

A época natalícia está aí e traz com ela as luzes, as músicas e claro, as principais corridas de ciclocrosse. É também nesta altura que há um aumento de interesse nestas corridas, muito por culpa da participação de estrelas da estrada que participam nesta modalidade. 

A época de ciclocrosse já vai adiantada, mas se não costumas acompanhar todas as provas e queres estar atualizado sobre o que se tem passado, o Topcycling faz-te um pequeno resumo das competições mais importantes, do que se passou até agora e do que ainda falta correr, para que caso tenhas interesse nas corridas em que Van der Poel, Van Aert e Pidcock participam, estejas atualizado e dentro da dinâmica da modalidade.  

Quais são as corridas mais importantes?

A época de ciclocrosse, um pouco como a de estrada, tem muitas corridas por todo o mundo, mas algumas são mais importantes, mais mediáticas e onde estão os melhores corredores.

É nos meses de novembro, dezembro e janeiro que tem a sua época alta, é quando se disputam as três competições mais importantes e com os melhores atletas. São elas o X2O, o Superprestige e a Taça do Mundo da UCI.

Quase no fim da época disputam- se os Campeonatos do Mundo que este ano acontecem em Tabor, Chéquia a 4 de fevereiro. Van der Poel e Fem van Empel são os atuais detentores da camisola arco-íris.

Troféu X2O

O X2O é uma competição composta por 8 corridas e a sua classificação é determinada consoante os tempos de chegada dos ciclistas, como acontece na estrada, nas provas por etapas. Teve a sua primeira corrida no início de novembro e estende-se até meados de fevereiro.

No ano passado, esta competição foi ganha por Fem van Empel no feminino e Eli Iserbyt no lado masculino. Das oito corridas deste ano já se correram duas. É assim que está a classificação: 

Classificação Elite Masculina: 

1 – LARS VAN DER HAAR Lars – 1:57:53
2 – ISERBYT Eli + 0:18
3 – MASON Cameron + 0:45
4 – VAN KESSEL Corné + 4:01
5 – VANDEBOSCH Toon + 4:14
6 – NYS Thibau + 4:51
7 – ADAMS Jens + 6:09
8 – VANTHOURENHOUT Michael + 6:22
9 – VANDEPUTTE Niels + 6:44
10 – FERDINANDE Anton + 6:53

Classificação Elite Feminina:

1 – VAN EMPEL Fem + 1:31:27
2 – BETSEMA Denise + 4:15
3 – BRAND Lucinda + 5:51
4 – WORST Annemarie + 6:22
5 – PIETERSE Puck + 6:25
6 – KAY Anna + 7:00
7 – VAN DE STEENE Kim + 8:21
8 – CANT Sanne + 8:23
9 – CRABBÉ Kion + 8:39
10 – VAS Blanka Kata + 8:51

É nesta competição que Thomas Pidcock e Van der Poel, que antecipou o seu regresso uma semana, vão dar as primeiras pedaladas da sua temporada de ciclocrosse, estreando se no Troféu Badkamers de X2O em Herentals já no próximo sábado.

SUPERPRESTIGE 

A Superprestige é uma competição também composta por oito corridas mas a sua classificação é feita através de pontos dados aos corredores consoante a sua classificação em cada corrida. O primeiro classificado leva 15 pontos, o segundo 14, o terceiro 13 e por aí em diante. No fim das oito provas o corredor com mais pontos leva o troféu para casa.

Na época passada foi Carmen Alvarado e Laars Van der Haar, nas mulheres e homens respetivamente, que venceram a prova. 

Este ano, e ao fim de cinco corridas a classificação geral é a seguinte: 

Classificação Geral Masculina:

1 – ISERBYT Eli – 72
2 – VANDEPUTTE Niels – 49
3 – NIEUWENHUIS Joris – 48
4 – MASON Cameron – 40
5 – SWEECK Laurens – 39
6 – KUYPERS Gerben – 38
7 – VANTHOURENHOUT Michael – 38
8 – KUHN Kevin – 37
9 – ORTS LLORET Felipe – 34
10 – MEEUSSEN Witse – 28

Classificação Geral Feminina:

1 – WORST Annemarie – 64
2 – ALVARADO Ceylin Del Carmen – 59
3 – VAN ALPHEN Aniek – 58
4 – VAN DER HEIJDEN Inge – 48
5 – BETSEMA Denise – 46
6 – NORBERT RIBEROLLE Marion – 44
7 – CANT Sanne – 37
8 – VAN EMPEL Fem – 30
9 – FRANCK Alicia – 27
10 – BAKKER Manon – 21

Taça do Mundo UCI

Por último temos a Taça do Mundo (não confundir com Campeonatos do Mundo). Esta prova organizada pela UCI é composta por 14 corridas em vários países. A sua classificação é por pontos e semelhante à da Superprestige, com a diferença de que o primeiro, segundo e terceiro classificados acumulam 40, 30 e 25 pontos respetivamente e a partir da quarta posição os pontos atribuídos começam nos 22 e vão até ao 1, consoante a posição.

No último ano Van Empel juntou a Taça do Mundo ao Troféu X2O e Laurens Sweeck ganhou pelos homens.  

No presente ano, já se correram 7 provas e a classificação geral está assim:  

Classificação Geral Masculina:

1 – ISERBYT Eli – 208
2 – RONHAAR Pim – 153
3 – VAN DER HAAR Lars – 151
4 – NIEUWENHUIS Joris – 142
5 – SWEECK Laurens – 134
6 – VANDEPUTTE Niels – 133
7 – KAMP Ryan – 127
8 – VANDEBOSCH Toon – 112
9 – NYS Thibau – 105
10 – KUHN Kevin – 105

Classificação Geral Feminina:

1 – ALVARADO Ceylin Del Carmen – 195
2 – BRAND Lucinda – 135
3 – BAKKER Manon – 133
4 – VAN DER HEIJDEN Inge – 111
5 – BENTVELD Leonie – 109
6 – BACKSTEDT Zoe – 102
7 – ROCHETTE Maghalie – 98
8 – SCHREIBER Marie – 93
9 – ZEMANOVÁ Kristyna – 89
10 – PIETERSE Puck- 85

É na Taça do Mundo em Antuérpia no dia 23 de dezembro, que vamos ter Van der Poel, Van Aert e Pidcock pela primeira vez na mesma corrida.

Exact Cross

Outra prova que é importante referir é a Exact Cross. Esta competição terá 7 corridas este ano tendo sido a primeira ganha por Thibau Nys. Apesar de menos importante, a Exact Cross deste ano vai ter uma grande visibilidade, já que foi nela que Van Aert se estreou a grande nível no passado fim de semana vencendo confortavelmente.

É também nesta competição que Van Aert e Van der Poel se vão defrontar pela primeira vez esta época no ciclocrosse. Este primeiro confronto está marcado para dia 22 de dezembro em Mol.

Em todas estas competições, a regularidade é muito importante. Exemplo disso foi a vitória de Van Der Haar no Superprestige do passada temporada, troféu no qual não ganhou nenhuma corrida mas como teve um desempenho regular, acumulou mais pontos e venceu a competição.

Podes consultar as datas dos confrontos de Van der Poel, Van Aert e Pidcock aqui.

Subscreve a newsletter semanal para receberes todas as notícias e conteúdo original do TopCycling.pt. Segue-nos nas várias redes sociais Youtube , Instagram , Twitter , e Facebook.


Noticias relacionadas

Volta a Portugal 2024 – Já se conhecem as etapas

Volta a Portugal 2024 – Já se conhecem as etapas

António Morgado na Volta à Eslovénia

António Morgado na Volta à Eslovénia

João Almeida – “Gostava que ganhasse o Tadej Pogacar e de fechar top cinco”

João Almeida – “Gostava que ganhasse o Tadej Pogacar e de fechar top cinco”

Taça de Portugal XCO – Fundão

Taça de Portugal XCO – Fundão

Utilizamos cookies para garantir a funcionalidade e melhor experiência de navegação no nosso site. Saber mais